Seminário Internacional Arquivos & Direitos Humanos celebra primeira década de AsF Brasil com debates e bom público

Na semana passada, Arquivistas sem Fronteiras do Brasil celebrou seu aniversário de dez anos apresentando o Seminário Internacional Arquivos & Direitos Humanos: 10 anos de Arquivistas sem Fronteiras do Brasil. O evento contou a presença de sete conferencistas que discorreram sobre as temáticas que orientam e fazem eco às ações promovidas pelas seções de AsF mundo afora.

12079663_1016253355092944_7204339348132086486_nAo longo de três noites, o bom público que ocupou o Auditório do Memorial do Rio Grande do Sul pôde ouvir, questionar e refletir a respeito de temáticas tais como a luta pelos Direitos Humanos através dos arquivos, a necessidade de lutar contra o memoricídio e a impunidade e as conexões que os arquivos da Guerra Fria nos permitem fazer na compreensão de nossos dias atuais.

O sucesso do Seminário Internacional Arquivos & Direitos Humanos se deve, fundamentalmente, à atualidade e pertinência dos debates propostos pelos conferencistas, mas também a todos que colaboraram para que esta jornada pudesse transcorrer com êxito. Sendo assim, a Comissão Diretiva de Arquivistas sem Fronteiras aproveita este espaço para registrar seu agradecimento:

- Ao complexo do Museu dos Direitos Humanos do Mercosul (Memorial do Rio Grande do Sul e Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul), por ceder seu auditório, técnicos, estagiários e apoio;

- À Associação Cultural José Martí, que intermediou a participação do professor Raúl Capote em nosso Seminário;

- À Universidade Federal do Rio Grande do Sul e, em especial, à Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação e à Comissão de Graduação do Curso de Arquivologia, pelo apoio indispensável;

- Aos professores e palestrantes que participaram do evento;

- Ao público que compareceu e apoiou mais essa iniciativa de Arquivistas sem Fronteiras do Brasil.

Confira fotos do Seminário Internacional Arquivos & Direitos Humanos em nossa página no Facebook.